Pré-conferência discute políticas públicas para saúde feminina

Pre-1Com o objetivo de discutir as políticas públicas na área da saúde da população feminina, a Prefeitura do Cabo de Santo Agostinho e o Conselho Municipal de Saúde promoveram nesta segunda-feira (24/04), o primeiro dia de atividades da Pré-Conferência Municipal de Saúde das Mulheres. Profissionais de saúde e integrantes de diversos segmentos participaram da atividade, que ocorreu no auditório do Centro Administrativo Municipal (CAM), na Torrinha.

Durante o evento, houve explanação sobre o que será discutido nas pré-conferências e exposição dos eixos temáticos: O papel do Estado no desenvolvimento socioeconômico e ambiental e seus reflexos na vida e na saúde das mulheres; o mundo do trabalho e suas consequências na vida  e na saúde das mulheres; vulnerabilidade e equidade na vida e na saúde das mulheres e  políticas públicas para as mulheres e a participação social.

Segundo a coordenadora da Saúde da Mulher, Giselle Paiva, o evento tem o objetivo de discutir temas relacionados à saúde da mulher. “Qualquer mulher pode participar das pré-conferências. Ela também pode se candidatar à vaga de delegada, participar do processo de seleção e concorrer à vaga”, disse ela. “Nessas pré-conferências vão sair 200 delegadas, que vão ter vez e voto na Conferência Municipal de Saúde da Mulher”, explicou.  Pre_2

PRÉ-CONFERÊNCIAS – Nesta quarta-feira (25), a comunidade da Regional 2 vai receber a pré-conferência. O encontro acontecerá na Escola-modelo, em Gaibu, a partir das 13h. Na quinta-feira (26), é a vez da Regional 4 participar das atividades, que vão ocorrer às 13h, na Escola-modelo Padre Antônio Melo, na Charneca. Já a Regional 3 encerra, na terça (28), as pré-conferências, na Escola-modelo Manoel Davi, em Ponte dos Carvalhos, também às 13h.

Texto: Amanda Falcão – Secom/Cabo
Fotos: Léo Domingos