Procon e Vigilância Sanitária realizam ação educativa em Gaibu

         O Procon/Cabo, ligado à Secretaria Municipal de Assuntos Jurídicos, está desenvolvendo ações educativas em estabelecimentos da cidade. Nesta quarta-feira (04/04), as equipes de fiscalização do órgão e da Vigilância Sanitária estiveram em supermercados do bairro de Gaibu. Durante o trabalho de inspeção não foram verificadas infrações.procon1

         “O objetivo desta ação é apenas de orientar o estabelecimento”, enfatizou a gerente do Procon/Cabo, Quésia Silva. O órgão alerta aos consumidores a ficarem atentos no momento da compra e denunciarem caso encontrem irregularidades, como a venda de produtos vencidos ou impróprios para o consumo.

De acordo com a inspetora sanitária, Juliana Serafim, é comum encontrar nos supermercados, produtos em promoção com a data de validade muito próxima. Ela explica que os estabelecimentos devem colocar a informação visível para o consumidor sobre a data de vencimento do produto, antecipadamente. “Se a promoção é anunciada hoje para um produto que irá vencer amanhã, isso não é permitido. Este prazo deve ser de até cinco dias antes da data de vencimento para que não haja prejuízo à saúde do consumidor”, enfatiza Juliana Serafim.

No setor de laticínios, o procon 2consumidor deve observar se a embalagem não apresenta amassados. “É necessário também estar atento à divergência de preços entre o anunciado do item e os disponível na prateleira e sua data de vencimento”, afirma a gerente do Procon/Cabo.

Na área do frigorífico, a observação é sobre produtos congelados e resfriados. “Os congelados como polpas, carnes não podem apresentar aspecto mole”, destaca a inspetora sanitária Valéria Santana. Ela também orienta sobre a compra de produtos de limpeza caseiros. O uso desses produtos em embalagens inadequadas, sem rótulos e sem segurança significa um grave risco.

Texto: Secom Cabo

Fotos: Naftali Emídio (Secom/Cabo)